Email: Roseli Abrão



Blog: quarta-feira, 15 de maio de 2019

13:27:39

Ex-governadores

PEC é aprovada, emenda não

Numa sessão tensa, a Assembleia Legislativa aprovou na manhã de hoje – por unanimidade – a Proposta de Emenda à Constituição que extingue a aposentadoria de ex-governadores.

A emenda que pretendia retirar dos ex-governadores que já recebem o benefício foi derrubada. Foram 27 votos sim (eram necessários 33), nove não e seis abstenções.

Jogou a toalha

Antes mesmo do inicio da votação da emenda à PEC que pretendia extinguir a aposentadoria de ex-governadores que hoje recebem o beneficio, o deputado Homero Marchesi jogou a toalha.

Acusou colegas de assinarem a emenda e voltares atrás ou se ausentar da sessão, mas, mais do que isso, desancou ex-governadores, notadamente Orlando Pessuti.

Acusou Pessuti de fazer lobby, visitando gabinete por gabinete (menos o dele, claro), para que a emenda fosse derrubada.

Mais do que isso, jogou uma “praga”: que logo o Supremo Tribunal Federal votará a Adin que questiona a aposentadoria de ex-governadores do Paraná e, como já aconteceu em outros Estados, não só ficará sem aposentadoria, mas terá que devolver aos cofres públicos o que recebeu.

Marchesi tentou falar de outros ex-governadores, chegou a citar Roberto Requião, mas, com a intervenção de outros deputados, teve que se calar, afinal, como ponderou o presidente Ademar Traiano, o que estava em debate era a emenda, não a vida dos ex-governadores.

Xinga, mas pede desculpas

-- Vamos votar logo esta merda, ganhe quem ganhar.

A frase é do deputado Nelson Justus, que na sequência foi à tribuna pedir desculpas porque sua reação “não combina” nem com ele nem com a casa.

O que deixou Justus bravo – considerado um “lorde” – foi a tentativa do deputado Homero Marchesi de adiar a votação da PEC, já que seis parlamentares que assinaram sua emenda faltaram à sessão.

Como a proposta estava em regime de urgência, o Regimento Interno não permitia adiamento.

Nelson Justus explicou sua explosão dizendo que adiou compromissos, o principal deles ir à fisioterapia para cuidar do braço recentemente quebrado.












Blog: segunda-feira, 13 de maio de 2019

08:44:44

A volta do “efeito Tiririca”

Aprovada pela Emenda Constitucional nº 97, em 2017, o fim das coligações nas eleições proporcionais pode estar com os dias contados. Uma PEC, de autoria do senador Ângelo Coronel, do PSD da Bahia, com o apoio de 29 senadores, já está sob análise da Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

Ao proibir as coligações nas eleições proporcionais o objetivo pretendia-se evitar o “Efeito Tiririca”, ou seja, quando um candidato com votação expressiva ajuda a eleger outros candidatos do grupo de partidos coligados que obtêm poucos votos.

Como destaca a Agência Senado, na prática, parlamentares de legendas diferentes, com votação reduzida, acaba eleito devido ao desempenho do chamado “puxador de votos”.

Tiririca, do PR de São Paulo, foi reeleito em 2014 com mais de 1 milhão de votos, “puxou” mais cinco candidatos para a Câmara.

Pela Emenda Constitucional nº 97, a partir das próximas eleições, no ano que vem, partidos só podem se coligar para as disputas por prefeituras, governos dos estados, Senado e Presidência da República (eleições majoritárias).

Dois partidos

Segundo Ângelo Coronel, a nova lei faz com que as eleições nos municípios fiquem limitadas a dois partidos: o do prefeito e o da oposição, prejudicando o pluralismo político.

— A próxima eleição, de 2020, em que deve vigorar a vedação, nos revela que os partidos não estão prontos para uma mudança dessa radicalidade em pleitos municipais, em que um grande número de partidos seria gravemente afetado nas suas representações locais. É nítido que a mudança apenas fortalece os grandes partidos, argumentou o senador baiano.




Blog

Ao vivo e a cores

Chuva impede Bolsonaro de inaugurar usina

Jogo de cena?

R$ 1 trilhão em impostos

Dallagnol tira Harvard do currículo

Ratinho não vai ao protesto

Cunha vai para o Rio

De Lula para Chico

Dupla derrota

De doido para doido

Em pauta

Tecnologia não substitui agente de viagem na hora da compra

Flyworld realiza quarta convenção nacional de franqueados

TCP lidera movimentação de contêineres no Sul do Brasil

Marketing online é decisivo para sucesso de negócios em franquias

Flyworld inaugura terceira unidade no Rio Grande do Sul

TCP investe em 30 projetos ambientais em 2018

TCP finaliza obras de ampliação do cais de atracação

Flyworld participa da Black Friday 2018

Aracaju ganha primeira unidade Flyworld

Resort e Hotel fazenda são opções para a semana da criança

Acesse também

Twitter - http://twitter.com/roseli_abrao

Facebook - http://www.facebook.com/blog.roseliabrao

RSS Feeds - http://roseliabrao.com/rss/

Coluna

Rossoni derruba sessão e irrita deputados

CEI do “xerox” não pode ser uma caça às bruxas

Erro do TRE dá sobrevida a Bernardo Carli

Ghignone aposta na vitória de Ducci

Beto não assume compromisso com emendas ao orçamento

Publicidade


Publicidade

A 1ª em aluguel de Livros com entrega em domicilio e Venda de Livros Usados em Curitiba

(41) 3367.2466 | 3367.3544


Copyright © roseliabrao.com

Blog | Coluna | Em pauta | Roseli Abrão | Equipe | Contato | Topo do site