Email: Roseli Abrão




Blog: sábado, 11 de fevereiro de 2012

18:58:21

Lula vai chamar Rosinha para conversar

O ex-presidente Lula, que neste sábado passou mal e foi internado no Hospital Sírio Libanês, pretende chamar o deputado federal Dr. Rosinha para uma conversa sobre sua pretensão de ser candidato do PT à prefeitura de Curitiba.

Matéria da revista “IstoÉ” informa que nos últimos dias Lula definiu com seus principais assessores o que chamou de “espinha dorsal” de sua agenda em 2012.

Que ficou definido que até o final de março ou no máximo até a primeira quinzena de abril, ele deverá permanecer a maior parte do tempo despachando no instituto e que sua atenção estará voltada prioritariamente às campanhas petistas em cerca de 120 cidades com mais de 150 mil habitantes pré-definidas e assinaladas em um mapa sobre a mesa de sua sala.

Na avaliação do ex-presidente, diz a “IstoÉ”, em cerca de 30 desses municípios, incluindo Curitiba e Belo Horizonte, o PT deve abrir mão da cabeça de chapa para apoiar candidatos do PSB, do PMDB e do PDT.

“Um dos primeiros a ser chamado para uma conversa será o deputado federal Dr. Rosinha. Ele quer que o petista abandone a ideia de se candidatar ao Executivo da capital paranaense e apoie Gustavo Fruet (PDT)”, reporta a “IstoÉ”, que acrescenta que “especialista em montar palanques e solucionar conflitos entre as alas internas do PT, Lula pretende convocar as lideranças de sua legenda e convencê-las da importância de construir alianças amplas o mais rápido possível”.

Pelo Twitter, o deputado Dr. Rosinha, respondeu:

-- Se Lula quer falar comigo, como diz 'IstoÉ', vou mostrar a ele que, assim como em SP, a melhor saída em Curitiba é candidatura própria do PT.







Blog: sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

19:04:52

Tarifaço do Detran é ilegal, segundo o MP

O Ministério Público do Paraná considerou inconstitucional artigo da lei do governador Beto Richa que instituiu o “tarifaço” do Detran.

Segundo o MP é ilegal o artigo que especifica que os recursos arrecadados com as novas taxas, que tiveram aumento de até 271% nos preços, sejam destinados a outras áreas da administração pública estadual.

O deputado Enio Verri, do PT, que como líder da oposição no ano passado, encabeçou uma Ação Direta de Inconstitucionalidade contra o “tarifaço”, disse nesta sexta-feira que o parecer do MP “confirma que a oposição sempre esteve correta na sua crítica”.

-- Taxa é um tributo que deve ser utilizado tão somente para custear o próprio serviço. Na prática, o governo Richa transformou a cobrança de um serviço básico para a população em um imposto, o que é claramente inconstitucional, afirmou.

O Ministério Público, no parecer, aponta que a lei aprovada na Alep constitui um cheque em branco ao Poder Executivo. O MP também condena a “voracidade fiscal” do governo.

A expectativa de Verri é que os desembargadores utilizem o parecer do MP para fundamentar o julgamento.

-- Como a transferência de recursos do Detran para outras áreas é ilegal, não existem razões para o governo aumentar as tarifas, uma vez que as tarifas atuais cobrem todos os custos e o órgão é superavitário. Portanto, nossa expectativa é pela anulação integral da lei. Que os paranaenses não sejam onerados por uma medida equivocada e sem fundamentos do governo Beto Richa, afirmou.

Aqui, alguns trechos do parecer do MP:

"A impropriedade e a inconstitucionalidade não se limitam à destinação do produto das taxas para outros Órgãos e projetos diversos do custeio do serviço público.

É que o artigo autoriza que o governador do Estado, por Decreto, determine o repasse de outros percentuais da arrecadação das taxas do Detran-PR para outros Órgãos que ele entender devidos, constituindo tal norma um autêntico cheque em branco conferido pelo legislador ao Chefe do Poder Executivo.

Em face disso, parece-nos que a voracidade fiscal do Estado do Paraná ultrapassou os limites balizados em nosso Sistema Constitucional Tributário".



Blog: sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

10:47:40

Pesquisa aponta que Dilma supera Lula em intolerância à corrupção

A presidente Dilma Roussef é menos tolerante com a corrupção do que era o ex-presidente Lula. É o que aponta uma pesquisa feita em janeiro pela empresa Opinião Informação Estratégica, e que foi publicada pelo site Notícias & Negócios (www.noticiasenegocios.com.br).

De acordo com a pesquisa, 49,1% dos entrevistados têm esta visão de Dilma. Para cerca de um terço (33,6%), Dilma é percebida como sendo "tão tolerante quanto Lula" e para 17,3% ela é "mais tolerante" do que seu antecessor.

Segundo o estudo da Opinião, dois em cada três entrevistados afirmaram ser "favoráveis" à uma CPI - Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar a corrupção no governo.

Sobre a queda de ministros no 1º ano de governo Dilma e sua correlação com a corrupção governamental, 53% afirmaram que a saída dos ministros "indica que a presidente Dilma não é tolerante com a corrupção; 29% disseram que tal fato indica que ela é tão tolerante quanto os governos anteriores (não apenas o de Lula); 18% percebem a situação como negativa, por entenderem que a queda do 4º ministro (da Agricultura, Wagner Rossi) é um indicativo de que no atual governo há mais corrupção".

Além dos "malfeitos", como a própria presidente se refere aos escândalos que derrubaram ministros e demais assessores federais, a pesquisa procurou apurar o sentimento da população em relação ao País.

Para 43,9% dos entrevistados o Brasil "melhorou após o início do governo Dilma"; para 39,9% continua igual e para 16,3% piorou.

Sobre as condições de vida familiar, 43,1% afirmaram que a situação de sua família melhorou; 44,3% disseram que não se alterou, e para 12,6% piorou.




Blog: quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

15:33:12

Requião denuncia rolo-compressor do PT

O senador Roberto Requião admitiu nesta quinta-feira, em áudio disponível em seu site, que foi “atropelado pela base governista”, da qual “supostamente” (sic) pertence, no pedido de diligência feito por ele para investigar denúncias contra Bernardo Figueiredo, indicado pela presidente Dilma Roussef para reassumir a direção geral da ANTT – Agência Nacional de Transporte Terrestre.

O pedido de diligência foi aprovado no ano passado por unanimidade, mas a Comissão de Infraestrutura do Senado, por pressão do PT, marcou para o próximo dia 15 a sabatina de Figueiredo.

Requião queria a diligência para ouvir o Ministério Público Federal, o deputado estadual paulista Mauro Bragatto, relator da CPÌ que investigou o sistema ferroviária de São Paulo, e o engenheiro Paulo Sidney Ferraz, “todos com informações comprometedoras sobre Figueiredo”.

Segundo o senador, na reunião desta quinta-feira, a base governista se insurgiu contra a realização das diligências antes da sabatina, sob a alegação de que o mandato de Bernardo Figueiredo na ANTT vence no dia 18 e não haveria tempo hábil para a investigação proposta.

-- A urgência da renomeação de Figueiredo acaba de se transformar em questão mais importante que a idoneidade do indicado, disse Requião, que defendeu que, “a bem da transparência absoluta nos serviço público, as denúncias contra o diretor-geral da ANTT devem ser apuradas”.

Para ele, “negar as diligências e sabatinar Figueiredo como se nada houvesse contra ele é gravíssimo, além do que, considero essa iniciativa da base governista, de que também faço parte, uma violência contra o meu mandato e contra os eleitores que represento”, disse.

Requião lamentou o “rolo compressor”.

-- Tentativas de conciliar a sabatina com a diligência, marcando-as para dias alternados, foram rejeitadas pelo PT, que assim deixou claro que a recondução de Bernardo Figueiredo à direção geral da ANTT já foi decidida, não importando as informações que possam existir contra ele, por mais graves que sejam, lamentou.

Requião está disponibilizando em seu site documentos e vídeos contendo denúncias contra Bernardo Figueiredo.



Blog

"Quero ver Moro se segurar"

Visitas não precisam ser agendadas

Boca Aberta Jr pode ser cassado

PSB se prepara para 2020

Demissão em massa

Copa América não atrai

Depende dos americanos

Entre aspas (II)

Entre aspas

“In Fux we trust”

Em pauta

Tecnologia não substitui agente de viagem na hora da compra

Flyworld realiza quarta convenção nacional de franqueados

TCP lidera movimentação de contêineres no Sul do Brasil

Marketing online é decisivo para sucesso de negócios em franquias

Flyworld inaugura terceira unidade no Rio Grande do Sul

TCP investe em 30 projetos ambientais em 2018

TCP finaliza obras de ampliação do cais de atracação

Flyworld participa da Black Friday 2018

Aracaju ganha primeira unidade Flyworld

Resort e Hotel fazenda são opções para a semana da criança

Acesse também

Twitter - http://twitter.com/roseli_abrao

Facebook - http://www.facebook.com/blog.roseliabrao

RSS Feeds - http://roseliabrao.com/rss/

Coluna

Rossoni derruba sessão e irrita deputados

CEI do “xerox” não pode ser uma caça às bruxas

Erro do TRE dá sobrevida a Bernardo Carli

Ghignone aposta na vitória de Ducci

Beto não assume compromisso com emendas ao orçamento

Publicidade


Publicidade

A 1ª em aluguel de Livros com entrega em domicilio e Venda de Livros Usados em Curitiba

(41) 3367.2466 | 3367.3544


Copyright © roseliabrao.com

Blog | Coluna | Em pauta | Roseli Abrão | Equipe | Contato | Topo do site