Email: Roseli Abrão

Coluna: terça-feira, 9 de agosto de 2011

PT reduz crise com PMDB a um ruído de comunicação

O presidente do PT paranaense, deputado Enio Verri, reduziu a crise com o PMDB, exposta segunda-feira pelo deputado Nereu Moura, a um problema de comunicação dentro da própria bancada peemedebista.

Disse que tem procurado setores do PMDB para conversar não só sobre as eleições do ano que vem como também sobre a posição da bancada de oposição na Assembléia, referindo aos deputados Waldyr Pugliesi e Caito Quintana, respectivamente presidente do partido e líder da bancada na Assembléia Legislativa.

Se os demais deputados do PMDB ignoram o fato trata-se de uma “falha de comunicação” entre os peemedebistas, disse.

Verri admitiu que a posição assumida pelo deputado Nereu Moura “assusta” o PT, e prometeu “fazer de tudo para não perder o partido” que é um “parceiro histórico” do PT.

O dirigente petista lamenta – antecipadamente – uma aproximação do PMDB com o PSDB do governador Beto Richa que, disse, “faz um governo elitista”.

-- Não gostaria de ver um parceiro de políticas públicas do outro lado, disse Verri, que preferiu não acreditar que a reclamação feita nada mais é que uma “desculpa” para o PMDB se aproximar do Palácio das Araucárias.

Cobrança inusitada

Para o presidente do PT paranaense, a cobrança que Nereu Moura faz em relação ao governo federal é “inusitada”.

Disse que PT e PMDB podem trabalhar juntos nas políticas públicas do governo Dilma Roussef, mas descarta o “varejo”.

Não se pode, segundo Verri, mudar a “relação federativa”.

Mapa eleitoral

Enio Verri afirmou que PT e PMDB já concordaram em fazer um “mapa” do Paraná com vistas as eleições do ano que vem.

Que cada partido está fazendo um levantamento, que será cruzado nos próximos dias.

O objetivo é definir os municípios onde os dois partidos poderão fazer alianças às eleições municipais do ano que vem.

Decisão por maioria

O presidente do PMDB paranaense, deputado Valdir Pugliesi, assumiu que existe um diálogo com o governador Beto Richa, que “está avançando”.

-- Avançou muito porque Richa tem manifestado, individual e coletivamente, que gostaria de ter o PMDB na sua base, afirmou. Mas, segundo Pugliesi, qualquer decisão da bancada será por maioria, e que se houver acordo, será nos termos do PMDB.

O PMDB, disse Pugliesi, exige respeito “às idéias centrais do partido”.

Não é ponto pacífico

Pugliesi assegura que a adesão ao governador Beto Richa não é “ponto pacífico” dentro da bancada do PMDB, já que alguns deputados querem permanecer na oposição.

Do outro lado, analisa, há “restrições” do próprio PSDB ao ingresso de alguns parlamentares do PMDB na base de apoio de Richa.

Um gesto de cortesia

Pugliesi não tem dúvida que a decisão do governador Beto Richa de retirar da Assembléia a mensagem que amplia a Agência Reguladora, foi um gesto de cortesia ao PMDB.

-- Ele sabe que era um obstáculo a mais nas negociações, afirmou.

Mal explicado

O presidente da Assembléia Legislativa, deputado Valdir Rossoni, do PSDB, admitiu nesta terça-feira que o governo Beto Richa acertou em retirar a mensagem da Agepar - Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná.

-- Foi melhor retirar para não deixar dúvida, disse Rossoni, que criticou que a proposta “foi mal encaminhada e mal explicada”.

Traiano nega pressão

O líder do governo na Assembléia Legislativa, deputado Ademar Traiano, do PSDB, negou que o governador Beto Richa tenha sido “pressionado” a retirar a mensagem.

-- Foi uma demonstração de grandeza, elogiou.

Traiano admitiu, no entanto, que a mensagem “deixava alguma dúvida. -- A intenção do governo é reformular o texto da mensagem governamental de forma a deixar bem claro que não existe qualquer possibilidade de privatização de empresas públicas do Paraná, disse o líder.


Blog

Entre aspas

Só em flagrante

Bolsonaro em Curitiba

PDT quer anular eleições

Afinal?

Haddad pede investigação

O "caixa 2 virtual" de Bolsonaro

Governo deixa de pagar royalties

Cid Gomes vota em Haddad

Começa a transição

Em pauta

Resort e Hotel fazenda são opções para a semana da criança

Casamento em cruzeiro é a nova tendência entre os casais

Flyworld Jundiaí firma parceria com Faell Vasconcelos

TCP recebe super navio com capacidade para 11 mil TEUs

Turismo Pedagógico é nova aposta da Flyworld em Minas Gerais

Flyworld atrai mais de 300 candidatos a franqueados durante a feira da ABF

Turismo de aventura ganha adeptos e cresce no Brasil

Piracicaba ganha microfranquia da Flyworld Viagens

TCP e Brado Logística desenvolvem ações conjuntas com foco nos clientes

Flyworld indica os destinos mais românticos para casais apaixonados

Acesse também

Twitter - http://twitter.com/roseli_abrao

Facebook - http://www.facebook.com/blog.roseliabrao

RSS Feeds - http://roseliabrao.com/rss/

Coluna

Rossoni derruba sessão e irrita deputados

CEI do “xerox” não pode ser uma caça às bruxas

Erro do TRE dá sobrevida a Bernardo Carli

Ghignone aposta na vitória de Ducci

Beto não assume compromisso com emendas ao orçamento

Publicidade


Publicidade

A 1ª em aluguel de Livros com entrega em domicilio e Venda de Livros Usados em Curitiba

(41) 3367.2466 | 3367.3544


Publicidade

Soluções em Comunicação | Assessoria de Imprensa | Edição de Livros

(16) 99418.1551


Copyright © roseliabrao.com

Desenvolvido por: Sky Comunicação e Eventos - www.skycomunicacao.jor.br

Blog | Coluna | Em pauta | Roseli Abrão | Equipe | Contato | Topo do site