Uncategorized

Voto em dobro para mulheres e negros

Esta é uma das propostas que entram em pauta nesta terça-feira na Câmara dos Deputados na votação em segundo turno da minirreforma eleitoral.

Pela proposta, a contagem em dobro dos votos dados a candidatas e a negros para a Câmara dos Deputados, nas eleições de 2022 a 2030, para fins de distribuição entre os partidos políticos dos recursos do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanhas (Fundo Eleitoral).

Segundo o portal da Câmara dos Deputados, essa contagem em dobro será aplicada apenas uma vez, ou seja, os votos para uma candidata negra, por exemplo, não poderão ser contados em dobro duas vezes.

Um dos critérios para a distribuição dos recursos desses fundos é exatamente o número de votos obtidos, assim a ideia é estimular candidaturas desses grupos.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Você também pode gostar